Metadados
METADADOS GEOESPACIAIS
Descrição das camadas de informação disponibilizadas ao cidadão via WEB
Tratada -
Sem tratamento -
Em tratamento -
Titulo Resumo
1979 IGCCartas topográficas IGC (Instituto Geográfico Cartográfico)
Responsabilidade:IGC - Instituto Geográfico e Cartográfico do Estado de São Paulo - Subger.Cartográfica Sistemática
Disponível em:Servidor WMS do IGC (Web Map Service) no endereço: http://geoportal.igc.sp.gov.br:6080/arcgis/services/IGC/GeoPortal_CartasTopograficas_ImgSrv/ImageServer/WMSServer
Aplicativo WEB GIS: http://geoportal.igc.sp.gov.br:8080/GeoPortalIGC/Internet/
Especificação:Raster monocromático; Escala equivalente: 1:10.000
Palavras chave:IGC; 1979; Limite municipal
2003 IGCCartas topográficas IGC (Instituto Geográfico Cartográfico) da Região Metropolitana de Campinas e Mogi Mirim
Responsabilidade:IGC - Instituto Geográfico e Cartográfico do Estado de São Paulo - Subger.Cartográfica Sistemática
Disponível em:Servidor WMS do IGC (Web Map Service) no endereço: http://geoportal.igc.sp.gov.br:6080/arcgis/services/IGC/GeoPortal_Cartas_Topograficas_RMC_Moji_Mirim_ImgSrv/ImageServer/WMSServer
Aplicativo WEB GIS: http://geoportal.igc.sp.gov.br:8080/GeoPortalIGC/Internet/
Especificação:Raster monocromático; Escala equivalente: 1:10.000
Palavras chave:IGC; 2003; Limite municipal; RMC
2014 MDT 2014 MDT (Modelo Digital do Terreno)
Responsabilidade:SEPLURB / DIDC / CSGBCA - Responsável pelo recebimento da núvem de pontos do levantamento Aerotransportado a Laser LIDAR
Preparação:Modelo Digital do Terreno em formato raster gerado a partir de interpolação de nuvem de pontos de arquivos LIDAR classificados como terreno (Ground) de cobertura laser aerotransportada contratada pela PMC e executada pelo consórcio AEROCAMP. Interpolação gerada pelo software 3DEM.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: restricoes-aeroportuarias.campinas.sp.gov.br
Servidor WMS: http://wms.campinas.sp.gov.br/wmsmap/Rasters.map (uso externo mediante a solicitação a SEPLAN)
Especificação:Formato Raster, Resolução: GSD(Ground Sample Distance) 1 m, Densidade do levantamento LIDAR: aproximadamente 2 pontos por metro quadrado, GSD do raster 1 m Data da captura LIDAR: Julho de 2014 , Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S
Palavras chave:MDT; 2014; Altimetria
2014 Ortofotos PMCOrtofotos geradas a partir de cobertura Aerofotogrametrica contratada pela PMC e executada pelo consorcio AEROCAMP
Responsabilidade:SEPLURB / DIDC / CSGBCA
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: restricoesaeroportuarias.campinas.sp.gov.br
Servidor WMS: http://wms.campinas.sp.gov.br/wmsmap/Rasters.map (uso externo mediante a solicitação a SEPLAN)
Especificação:Formato Raster, Resolução: GSD(Ground Sample Distance) 10 cm, Captura das fotos(cobertura aerofogramétrica): Julho de 2014, Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S
Palavras chave:Ortofoto
2014 basemap PMCMapa raster de fundo (de referência) criado a partir da restituição aerofogrametrica de 2014.
Responsabilidade:SEPLURB
Preparação:Processamento de basemap raster, gerado a partir da restituição da cobertura aerofotogrametrica capturada em 2014, contratada pela PMC e executada pelo consórcio AEROCAMP. Refere-se ao cadastro físico, ou seja, feições que representavam a situação daquilo que estava implantado em Julho de 2014, independente da situação do cadastro técnico ou fiscal.
O processamento foi feito pelo método de geração de atlas do QGIS 2.14, com imagens que coicidem com a articulação de plantas. De fato, foram feitos dois processamentos. O primeiro foi feito com poucas feições para facilitar a visualisação em escalas menores o qual foi utilizado para a criação da piramide, o segundo foi elaborado com todos as camadas para ser utilizado em escalas maiores.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: restricoes-aeroportuarias.campinas.sp.gov.br
Servidor WMS: http://wms.campinas.sp.gov.br/wmsmap/Rasters.map (uso externo mediante a solicitação a SEPLAN)
Especificação:Raster colorido; Imagem discreta criada a partir de feições vetoriais; Escala equivalente: 1:1.000; Data da cobertura aerofogramétrica: Julho de 2014; Versão da restituição utilizada: Entregue em 30/06/2016 Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:basemap; 2014
AquíferosCamada tem origem do SIG PCJ. Download realizado em 2016
Responsabilidade:SVDS/DVDS
Preparação:Foi feito o recorte para o limite municipal de Campinas-SP
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Especificação:Formato VetorialTipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Palavras chave:Água, Aquíferos, Geologia
Bacias Hidrográficas Considera as bacias dos principais rios do Município: Atibaia, Jaguari, Quilombo, Anhumas, Capivari e Capivari-Mirim
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:As 6 Bacias Hidrográficas desta camada foram delimitadas pela antiga Secretaria de Planejamento, Desenvovimento Urbano e Meio Ambiente (SEPLAMA) da Prefeitura de Campinas, para o Plano Diretor de 2006. O Mapa do Plano Diretor (2006) pode ser consultado no link
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: ; Data da publicação: 2006 ; Edição: 2015 ;
Palavras chave:Bacias Hidrográficas
Banco de Áreas Verdes - BAVCamada representa as áreas de plantio que são coordenadas pela SVDS.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Legenda
Anuída: Já foi destinado Termo de compromisso ambiental (pode estar plantado ou está em vias de ser plantado).
Arborização Urbana: Área de passeio público. Plantio em calçada.
Concluída: Área que já recebeu plantio e está na sua fase final.
Disponível: Registrada no DOM como área reservada ao BAV (apta para receber anuência de plantio).
IPTU: Área que entra com isenção de IPTU. (Indivíduo que se disponibiliza cuidar de uma APP tem isenção de Iptu.).
Indisponível: Área que não pertence a prefeitura, sendo assim, não disponível para o BAV.
Plantada: Área já arborizada ou com plantio do BAV.
Solicitada: Área que foi solicitada pelo BAV, porém ainda está em estudo. Protocolo de solicitação de área enviado ao DIDC, em análise. Se OK, encaminhada para o BAV.
Vandalizada: Área onde já foi realizado um certo plantio, porém, foi vandalizada por pessoas ou animais.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data: 2016; Edição: 2016;
Palavras chave:Banco de Áreas Verdes
Bosques e ParquesCamada gerada para o Plano do Verde 2015, tem a finalidade representar as áreas verdes socias
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Material de elaboração: 1. QGIS 2.6.1. Metodologia de elaboração: 1. A vetorização teve como base o conhecimento dos principais bosques e parques do município; 2. Os polígonos não possuem precisão para elaboração de projetos, são apenas ilustrativos.
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."bosques_parques"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data da publicação: 2015; Edição: 2015 ;
Palavras chave:Áreas Verdes Sociais, Parques, Bosques
Centroide dos terrenos (lotes_SIM do cadastro do IPTU)Centroide dos terrenos do cadastro de finanças. Criado a partir do cruzamento do banco de dados de finanças (informações tabulares) com o centroide de três possiveis tabelas: "didc.lotes", "didc.lotes_situacao_anterior", "didc.lotes_sem_validacao". A replicação dos dados desta tabela é executada a cada uma hora mediante script php que roda no servidor XXXX.
Responsabilidade:SEPLURB e SMF
Preparação:Cruzamento de informações dos "terrenos" do SIM (Sistema de Finanças) com o banco de dados espaciais do cadastro técnico da prefeitura.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Webservice para georeferenciamento de coordenadas disponível no em:
Aplicativo: Fiscalização de Ruas
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "financas"."lotes_sim"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:1.000; Publicação: Atualização com frequencia fixa (a cada uma hora)
Palavras chave:Lotes, IPTU, Posição Lotes, Posição Glebas, Cadastro Finanças
Certidões Gráficas CSLDTPoligonos das Certidões Gráficas elaboradas pela Coordenadoria Setorial de Laudos e Desenhos Técnicos. Esta camada é usada para auxiliar na busca pela Certidão. A certidão esta armazenada no aplicativo VALT disponível em: http://adler/AutodeskTC/Landing?Server=adler&Vault=SEPLAN&ReturnUrl=http%3a%2f%2fadler%2fAutodeskTC%2fadler%2fSEPLAN
Responsabilidade:SEPLURB / DIDC / CSLDT
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "didc_csldt"."certidao_grafica" (uso interno)
Palavras chave:Certidão Gráfica, Laudo técnico
Comgás RedeRede de distribuíção de Gás Natural, com disponibilização do traçado autorizado pela COMGÁS (Companhia de Gás de São Paulo) mediante a ofício n° CT-CI 44/2016 em 12 de dezembro de 2016, protocolo PMC 16/10/44897 de 15 de Dezembro de 2016.
Responsabilidade:COMGÁS - Companhia de Gás de São Paulo;
Tel: 08000 110 197
e-mail: mailcadastrorede@comgas.com.br
Preparação:Importado mediante ao fornecimento de arquivo tipo "Shape" fornecido pela COMGÁS em 18 de outrubro de 2016.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: sigcidadao.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "comgas"."rede"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Linha; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:rede distribuição de gás natural; comgas
Corredores EcológicosCamada representa trechos dos corredores ecológicos propostos no Plano do Verde, 2016.
Resolução nº 21, 26 de dezembro de 2016 estabelece o corredor ecológico capivari-játobas em acordo com decreto 19.167, de 06 de junho de 2016 que institui o plano municipal do verde e dá outras providências;
Resolução nº 13, 08 de julho de 2016 estabelece o corredor ecológico mata santa genebrinha - app ribeirão anhumas em acordo com decreto 19.167, de 06 de junho de 2016 que institui o plano municipal do verde e dá outras providências
Resolução nº 20, 26 de dezembro de 2016 estabelece o corredor ecológico são vicente-serra d' água em acordo com decreto 19.167, de 06 de junho de 2016 que institui o plano municipal do verde e dá outras providências
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."corredores_ecologicosl"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:1.000; Data: 2016; Edição: 2016;
Palavras chave:Corredor Ecológico, Plano do Verde
Curvas de RuídoÉ uma camada oficial que trata dos polígonos das curvas de ruído dos aeroportos de Campinas, Viracopos e Amarais.
Responsabilidade:INFRAERO / ABV / DAESP
Preparação:Fornecida pela INFRAERO, em Novembro de 2015, em AUTOCAD. Foi convertida para o formato shape. Curva de ruído do aeroporto de Viracopos - SBKP: Referente a portaria ANAC N°170/SIA de 26 de Janeiro de 2016, que trata da validação da nova configuração das curvas de ruído do aeroporto de Viracopos. Curvas de ruído do aeroporto dos Amarais - SDAM: Referente a portaria ANAC N°903/SIA de 10 de Abril de 2014. Recebida via protocolo 2015.10.33247, inicialmente em formato pdf. Foi solicitado formato DWG em sistema de coordenadas UTM Datum SIRGAS 200. O arquivo chegou em 16 de Setembro de 2015 e foi importado para o banco de dados gis_municipal no dia 17/09/2015. É uma camada que trata a configuração das curvas de ruído classificadas por nível de dB(A). Não é mantida nem alterada a menos que seja feito novo estudo pela ANAC. A ABV encaminhou, através do protocolo 2017-10-23709, o Plano Específico de Zoneamento de Ruído do Aeroporto de Viracopos, criando as AEAs e as respectivas compatibilizações, incompatibilizações e observações. O PEZR foi registrado junto à ANAC em 06/04/2017 conforme ofício ANAC número 51. Foram inseridas na camada em 15/09/2017.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: restricoes-aeroportuarias.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "deplan"."curvas_de_ruido_nova_2"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Curvas de Ruído
Declividade 2014
Responsabilidade:SVDS/DVDS/CTEIA
Preparação:Declividade do terreno em porcentagem (%). Gerada através da Raster 2014 MDT.
Especificação:Formato Raster, Resolução: GSD(Ground Sample Distance) 1 m, Densidade do levantamento LIDAR: aproximadamente 2 pontos por metro quadrado, GSD do raster 1 m Data da captura LIDAR: Julho de 2014 , Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S
Palavras chave:Declividade; 2014
DistritosÉ uma camada oficial, que trata dos polígonos referentes aos distritos de Campinas: Sousas, Joaquim Egídio, Barão Geraldo, Nova Aparecida, Campo Grande e Ouro Verde
Responsabilidade:SEPLURB / DEPLAN
Preparação:Originalmente desenvolvida em MapInfo pela CSPS/DEPLAN, em 1.996, contém a divisão das AR's (Administrações Regionais), e os distritos municipais. Foi convertida para o formato shape, reprojetada para SIRGAS 2000 e importada para o banco de dados em 12/06/2014
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "deplan"."orcamento_participativo"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Distritos
EcopontosA Prefeitura Municipal, por meio do Departamento de Limpeza Urbana, operador do Sistema Integrado de Limpeza Urbana do Município, idealizou e viabilizou a implantação dos ECOPONTOS. A ideia de ordenação ambiental se fortaleceu pela necessidade de minimizar os impactos negativos de lançamento de resíduos em locais públicos. Paralelamente, pretende conscientizar a população sobre a continuidade da responsabilidade sobre o resíduo gerado. O munícipe, a partir destes ECOPONTOS, tem a oportunidade de praticar a cidadania, de forma a descartar os seus resíduos responsavelmente sendo que cada categoria tem uma característica diferente, abaixo descritas: Ecopontos: aptos a receber materiais recicláveis, mas também resíduos da construção civil (entulho, madeiras, latas de tinta), resíduos especiais (lixo eletrônico, pilhas, lâmpadas, baterias, óleo comestível usado, pneus), resíduos de poda e jardinagem e objetos inservíveis, como sofás, armários, móveis, entre outros.
Responsabilidade:SMSP - Secretaria Municipal de Serviços Públicos - Departamento de Limpeza Urbana (DLU)
Preparação:Fornecido em formato Shape pela Secretaria dos serviços públicos, importado no banco de dados "GIS municipal" em 15 de agosto de 2017.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "smsp"."ecopontos" (uso interno)
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Linha; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Ecopontos, resíduos, material de construção
Eixos VerdesCamada elaborada no Plano Diretor de 2006 correspondente ao MAPA 15 – IMPLANTAÇÃO DE EIXOS VERDES. Link para o MAPA
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo:Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Data: 2016; Edição: 2016;
Palavras chave:Plano Diretor 2006
Eixos de LogradourosEixos de logradouros do Município de Campinas (Nomenclatura)
Responsabilidade:SEPLURB / DIDC / CSBD / Setor de nomenclatura. ( ainda esta indefinido a responsabilidade de manutenção de alguns atributos como: classificação das vias, largura, sentido )
Preparação:Originalmente foi cedido em formato TAB (MapInfo) pela EMDEC em 2013 com o sistema de coordenadas sistema UTM 23 S, Datum Corrego Alegre MG. Incialmente foi importado para o banco gis_municipal. As coordenadas foram transformadas para o Sistema de coordenadas Sirgas 2000. A feições foram trabalhadas para coincidir com a ortofoto da emplasa de 2010. Foram removidos atributos que não são utilizados pelo DIDC. Foi incluído o campo id_logradouro_financas_sim que representa o MESMO código utilizado no sistema de finanças.
O tratamento esta praticamente conluído, porém esta em higienização. Os processos de que passam atualmente pelo setor de nomenclatura já mantem a camada atualizada. A camada contém atribudos de numeração predial mantido pela CSLDT, pavimento criado a partir da aerofotogrametria 2014.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: restricoesaeroportuarias.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "didc"."eixos_logradouros" (uso interno)
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Linha; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Eixos de Logradouros, Nomenclatura
Equipamentos de Assistência SocialÉ uma camada oficial que discrimina a localização e informações pertinentes a todos os equipamentos de assistência social do município.
Responsabilidade:Secretaria de Cidadania, Assistência e Inclusão Social;
Mantenedor: Sem responsável com atribuição.
Preparação:Fornecida pela IMA no formato de planilha, com latitude e longitude, constantes no portal da PMC no serviço "Encontre os serviços no mapa".
Informações autorizadas para a disponibilização conforme ofício 148/2016-GS
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "assistencia_social"."assistencia_social_equipamentos"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Assistência social
Equipamentos de CulturaÉ uma camada oficial, que discrimina a localização e informações pertinentes a todos os equipamentos de cultura do município.
Responsabilidade:Secretaria de Cultura
Preparação:Fornecida pela IMA no formato de planilha, com latitude e longitude, constantes no portal da PMC no serviço "Encontre os serviços no mapa".
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "deplan"."cultura_equipamentos"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Cultura
Equipamentos de EducaçãoÉ uma camada oficial que descrimina a localização e informações pertinentes a todos os equipamentos de educação do município.
Responsabilidade:Secretaria de Educação;
Mantenedor: Sem responsável com atribuição.
Preparação:Parte oriunda das informações da CSPS/DEPLAN EM MapInfo, atualizadas desde 1.996, parte Fornecida pela IMA no formato de planilha, com latitude e longitude, constantes no portal da PMC no serviço "Encontre os serviços no mapa".
Foi importada para o Postgresql (04/11/2014), as coordenadas foram transformadas para o Sistema de coordenadas Sirgas 2000. Atualizada pela CSPS / DEPLAN / SEPLURB. No caso de dúvidas ou atualizações e/ou correções, favor contatar pelo telefone 2116-0112.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "deplan"."educacao_equipamentos"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Educação
Equipamentos de Esporte e LazerÉ uma camada oficial, que discrimina a localização e informações pertinentes a todos os equipamentos de esporte e lazer do município.
Responsabilidade:Secretaria de Esportes e Lazer
Preparação:Fornecida pela IMA no formato de planilha, com latitude e longitude, constantes no portal da PMC no serviço "Encontre os serviços no mapa".
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "deplan"."esporte_lazer_equipamentos"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Esportes e Lazer
Equipamentos de SaúdeÉ uma camada oficial que discrimina a localização e informações pertinentes a todos os equipamentos de saúde do município.
Responsabilidade:Secretaria de Saúde;
Mantenedor: Sem responsável com atribuição.
Preparação:Parte oriunda das informações da CSPS/DEPLAN EM MapInfo, atualizadas desde 1.996, parte fornecida pela SMS no formato shape. Após a atualização, foi conferida a posição geográfica dos equipamentos conforme a ortofoto de 2.014.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "sms"."saude_equipamentos"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Saúde
Estudo Macroregiões Fiscais Pgv 2016-2017Camada desenvolvida pela AAI/DRI para a planta genérica de valores de 2016-2017 com base nos valores venais vigentes em 2016, entretanto não foi utilizada pois se optou por manter o formato por face de quadra.
Responsabilidade:SMF/DRI/AAI
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "financas"."estudo_macroregioes_fiscais_pgv_2016_2017"
Especificação:Formato VetorialTipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Estudo Planta Genérica de valores 2016-2017Camada desenvolvida pela AAI/DRI para a planta genérica de valores de 2016-2017 com base nos valores venais vigentes em 2016, entretanto não foi utilizada pois se optou por manter o formato por face de quadra.
Responsabilidade:SMF/DRI/AAI
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "financas"."estudo_regioes_fiscais_2016"
Especificação:Formato VetorialTipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Palavras chave:PGV, Planta Genérica de Valores, Estudo
Estudo faces quadra Pgv 2016-2017Camada desenvolvida pela AAI/DRI para a planta genérica de valores de 2016-2017 com base nos valores venais vigentes em 2016, entretanto não foi utilizada pois se optou por manter o formato por face de quadra.
Responsabilidade:SMF/DRI/AAI
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "financas"."estudo_faces_quadra_pgv_2016_2017"
Especificação:Formato VetorialTipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Estudos PGV 2013-2014Camada desenvolvida pela AAI/DRI para a planta genérica de valores de 2013-2014
Responsabilidade:SMF/DRI/AAI
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "financas"."estudo_pgv_2013_2014"
Especificação:Formato VetorialTipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Ferrovias - Faixa de DomínioFaixas de domínio das Ferrovias geradas a partir de cartas da FEPASA
Responsabilidade:SEPLURB / DIDC / CSLDT Mantido por: Guilherme Azevedo
Preparação:Origem: Levantamentos Aerofogramétricos e Planialtimétricos elaborados pela FEPASA Pré-tratamento: As plantas foram digitalizadas e posteriormente posicionadas conforme suas malhas de coordenadas. Tratamento: Desenho elaborado sobre o levantamento posicionado, indicando a posição das propriedades porém sem uma precisão de medidas. Situação: Algumas plantas de trechos de ferrovias desativadas não constam em nossos arquivos ou não possuem elementos para seu correto posicionamento, não sendo possível a elaboração de desenho nestes trechos atualmente. O desenho feito deverá receber o aval da Superintendência do Patrimônio da União, responsável pela gestão destes patrimônios. As informações serão completadas conforme a tramitação de protocolos que tratam de assuntos relativos a esses patrimônios ou a partir da cessão das plantas faltantes pela SPU.
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "didc"."ferrovias"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:1.000; Publicação: Atualização diária
Palavras chave:FEPASA, Ferrovias, Patrimonio, Faixa de domínio, SPU
Fiscalização Ambiental - AthenaCamada vinculada ao sistema Athena que tem o objetivo de espacializar as infrações/penalidades realizadas pela Fiscalização Ambiental vinculada a Secretaria do Verde, Meio Ambeinte e Desenvolvimento Sustentável
Responsabilidade:SVDS/DVDS
Preparação:Camada elaborada através do aplicativo Athena
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."athena_multa" e "verde.athena.penalidade"
Especificação:Formato Vetorial Tipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Glebas em processo de cadastramentoGlebas em processo de cadastramento ou glebas ainda não cadastradas. A glebas já cadastradas deverão ser consultadas no bando de dados espacial "gis_municipal" na camada "didc"."lotes".
Responsabilidade:SEPLURB / DIDC / CSGBCA e SMF
Preparação:Pré-tratamento. Cruzamento de diversas camadas de diversas origens para gerar a primeira versão. Atualmente os processo de cadastramento iniciam pela coordenadoria CSGBCA que insere o polígono verificado e assim se torna disponível para as demais setores alimentar os atributos. Apenas são válidos os registros com as seguintes condições: situacao='Em processo de cadastramento' e posicionamento=1 (Correto). Nos registros com "posicionamento=2 (Aproximado)", a descrição geométrica do perímetro apenas serve como referência de localização.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Aplicativo desenvolvido pela IMA: https://glebas.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "csgbca"."glebas"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:1.000; Publicação: Atualização diária
Palavras chave:Glebas, cadastramento
Hidrografia IGC - AdaptadaA Hidrografia é adaptada e modificada do levantamento realizado em 2003 pelo Instituto Geográfico e Cartográfico (IGC)
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:A modificação ocorreu em 2014 pela Secretaria do Verde, Meio Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável (SVDS) da Prefeitura de Campinas em uma escala 1:5.000, utilizando para tal modificação Imagem Aérea EMPLASA 2010 (pixel de 1m), retirando lagos inexistentes na imagem e ajustando limites dos espelhos d''água.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."hidrografia_polilinha"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Linha, Liguagem: pt, Character set: UTF-8, Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: ; Data da publicação: 2003 ; Edição: 2014 ;
Palavras chave:Hidrografia
Hidrografia e Lagos IGC - AdaptadaA Hidrografia é adaptada e modificada do levantamento realizado em 2003 pelo Instituto Geográfico e Cartográfico (IGC)
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:A modificação ocorreu em 2014 pela Secretaria do Verde, Meio Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável (SVDS) da Prefeitura de Campinas em uma escala 1:5.000, utilizando para tal modificação Imagem Aérea EMPLASA 2010 (pixel de 1m), retirando lagos inexistentes na imagem e ajustando limites dos espelhos d''água.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."hidrografia_poligono"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono, Liguagem: pt, Character set: UTF-8, Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: ; Data da publicação: 2003 ; Edição: 2014 ;
Palavras chave:Hidrografia
Laudos de AvaliaçãoCamada desenvolvida pela AAI/DRI para espacializar os Laudos elaborados por ela. O link das imagens dos laudos estão na pasta \\monet\departamentos\SMF\DRI\CSAI\CSAI-Restrito\Quantum_Gis\Imagens_Pesquisas_Imoveis
Responsabilidade:SMF/DRI/AAI
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "financas"."laudos_avaliacao"
Especificação:Formato VetorialTipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Levantamento de FaunaCamada representa áreas de ocorrencia de fauna silvestre
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Camada elaborada através da análises de levantamentos acadêmicos e EIA/RIMA
Especificação:Formato Vetorial, Tipo:Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Data: 2016; Edição: 2016;
Palavras chave:Fauna
Limite MunicipalLimite municipal de Campinas extraído das Cartas Topograficas da Região Metropolitana de Campinas de 2003 do IGC, escala 1:10.000
Responsabilidade:IGC - Instituto Geográfico e Cartográfico do Estado de São Paulo Gerência de Apoio Técnico à Divisão Administrativa e Territorial (GDAT)
Preparação:Origem: Traçado vetorizado a partir das cartas topográficas IGC da região metropolitana de Campinas escala 1:10.000.(2003) disponíveis no servidor WMS (Web Map Service) no endereço http://geoportal.igc.sp.gov.br:6080/arcgis/services/IGC/GeoPortal_Cartas_Topograficas_RMC_Moji_Mirim_ImgSrv/ImageServer/WMSServer
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: restricoes-aeroportuarias.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "didc"."limite_municipal"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Publicação: Atualização diária
Palavras chave:Limite Municipal
Linha de ConectividadeA camada foi elaborada no Prognóstico do Plano do Verde (2016), esta não tem precisão para projetos, serve apenas como referência de intenção de implantação como apresentado no referido plano.
Resolução nº 12, 08 de julho de 2016 estabelece diretrizes para a área de influência da linha de conectividade em acordo com decreto 19.167, de 06 de junho de 2016 que institui o plano municipal do verde e dá outras providências;
Fonte: Plano do Verde - Prognóstico
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Características de confecção da camada: Materiais e camadas utilizadas utilizados para elaboração: 1. Qgis 2.12.1; 2. Ortofotos_2014 3. prioridades_recuperacao.tif 4. prioridades_conservação.tif 5. corredor_mata_ST.tif (esboço desenhado pela Fundação José Pedro de Oliveira conectando a Mata Santa Genebra a Mata do Ribeirão Cachoeira); 6. corredor_plano_diretor_2006 7. vegetacao_natural 8. app_campinas Metodologia de elaboração: 1. Para elaboração das linhas de conectividade utilizou-se as camadas acima como consulta para escolha dos locais. Das camadas prioridades_recuperacao e prioridades_conservacao, selecionou-se as 3 classes mais prioritárias que orientaram a formacao do desenho da linha. A linha, na maioria dos trechos seguiu o curso d'água. 2. O buffer_linha_conectividade.shp foi criado a partir de um buffer de 1.000 metros da camada linha_conectividade.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."linha_de_conectividade"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Linha, Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data: 2016; Edição: 2016;
Palavras chave:Corredor Ecológico
Linha de Conectividade - Área de InflênciaA camada foi elaborada no Prognóstico do Plano do Verde (2016), esta não tem precisão para projetos, serve apenas como referência de intenção de implantação como apresentado no referido plano. Resolução nº 12, 08 de julho de 2016 estabelece diretrizes para a área de influência da linha de conectividade em acordo com decreto 19.167, de 06 de junho de 2016 que institui o plano municipal do verde e dá outras providências;
Fonte: Plano do Verde - Prognóstico
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Características de confecção da camada: Materiais e camadas utilizadas utilizados para elaboração: 1. Qgis 2.12.1; 2. linha_de_conectividade Metodologia de elaboração: 2. Foi criado um buffer de 1.000 metros da camada linha_conectividade.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."linha_de_conectividade_area_de_influencia"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data: 2016; Edição: 2016;
Palavras chave:Corredor Ecológico
LoteamentosÉ uma camada oficial, que trata dos polígonos referentes aos loteamentos do município.
Responsabilidade:SEPLURB (DEPLAN / DIDC)
Preparação:Oriundo de um trabalho de 2004 desenvolvido em AUTOCAD, feito para controlar os loteamentos. Foi convertido para shape, corrigidas as geometrias segundo as plantas de loteamento do DIDC e a ortofoto de 2014, e a situação legal de cada loteamento está sendo atualizada em seus atributos.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "didc"."loteamentos"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:loteamentos
MacrozonasÉ uma camada oficial, que divide o município de Campinas desde 1.996. Foi alterada no Plano Diretor de 2.006 e Planos Locais de Gestão das Macrozonas 5 e 9.
Responsabilidade:SEPLURB / DEPLAN
Preparação:Originalmente criada em 1.996 em MapInfo, convertida para o formato shape.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "deplan"."macrozona"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Macrozona
MananciaisOs mananciais foram mapeados tendo como referência os pontos de exutório das captações de água para absatecimento público da SANASA no Rio Capivari e no Rio Atibaia, estes também estão restringidos ao limite municipal.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Materiais utilizados para elaboração: 1. Qgis 2.8.2 ; 2. Curvas de nível IGC 1:10.000 (cadastro.curvas); 3. Hidrografia IGC 1:10.000 (verde.hidrografia_polilinha); 4. Hidrografia IBGE 1: 50.000 ; 5. Pontos de captação da sanasa – (verde.captacao_agua_sanasa). Metadados: Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data da publicação: 2015 ; Edição: 2015 ; Geometria: Polígono. Contato:
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."manaciais"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono, Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data da publicação: 2015 ; Edição: 2015 ;
Palavras chave:Mananciais, Recursos Hídricos
Mapa GeológicoMapa Geológico do Município de Campinas: Arquivo recebio via e-mail (29/abril/2014) através de pedido (23/abril/2014) da Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável ao Instituto Geológico - IG.
Responsabilidade:Governo do Estado de São Paulo, Secretaria do Meio Ambiente, Instituto Geológico - IG
Preparação:PROGRAMA LEVANTAMENTOS GEOLÓGICOS BÁSICOS
Projeto: Publicação em mídia eletrônica das cartas geológicas executadas pelo Instituto Geológico (SMA/SP) para subsidiar a ocupação e uso do meio físico na região entre Sorocaba e Campinas Tema: Mapa Geológico do Município de Campinas
Fonte: FERNANDES, A. J.; AZEVEDO SOBRINHO, J. M.; TEIXEIRA, A. L. 1993. Mapa Geológico do Município de Campinas (Anexo 2.1) e Mapa de Pontos Geológicos e Geomorfológicos do Município de Campinas (Anexo 2.2).In: Instituto Geológico (SP). Subsídios do meio físico geológico ao planejamento do Município de Campinas. São Paulo. 03 volumes. (Relatório Técnico do Instituto Geológico).
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."geologia"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo:Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:50.000; Data da publicação: 2009; Edição: ;
Palavras chave:Geologia
Mapa Geológico - FalhasMapa Geológico do Município de Campinas: Arquivo recebio via e-mail (29/abril/2014) através de pedido (23/abril/2014) da Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável ao Instituto Geológico - IG.
Responsabilidade:Governo do Estado de São Paulo, Secretaria do Meio Ambiente, Instituto Geológico - IG
Preparação:PROGRAMA LEVANTAMENTOS GEOLÓGICOS BÁSICOS
Projeto: Publicação em mídia eletrônica das cartas geológicas executadas pelo Instituto Geológico (SMA/SP) para subsidiar a ocupação e uso do meio físico na região entre Sorocaba e Campinas Tema: Mapa Geológico do Município de Campinas
Fonte: FERNANDES, A. J.; AZEVEDO SOBRINHO, J. M.; TEIXEIRA, A. L. 1993. Mapa Geológico do Município de Campinas (Anexo 2.1) e Mapa de Pontos Geológicos e Geomorfológicos do Município de Campinas (Anexo 2.2).In: Instituto Geológico (SP). Subsídios do meio físico geológico ao planejamento do Município de Campinas. São Paulo. 03 volumes. (Relatório Técnico do Instituto Geológico).
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."geologia_falha"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo:Linha Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:50.000; Data da publicação: 2009; Edição: ;
Palavras chave:Geologia, Falhas
Mapa Geológico - Foliação e DescriçãoMapa Geológico do Município de Campinas: Arquivo recebio via e-mail (29/abril/2014) através de pedido (23/abril/2014) da Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável ao Instituto Geológico - IG.
Responsabilidade:Governo do Estado de São Paulo, Secretaria do Meio Ambiente, Instituto Geológico - IG
Preparação:PROGRAMA LEVANTAMENTOS GEOLÓGICOS BÁSICOS
Projeto: Publicação em mídia eletrônica das cartas geológicas executadas pelo Instituto Geológico (SMA/SP) para subsidiar a ocupação e uso do meio físico na região entre Sorocaba e Campinas Tema: Mapa Geológico do Município de Campinas
Fonte: FERNANDES, A. J.; AZEVEDO SOBRINHO, J. M.; TEIXEIRA, A. L. 1993. Mapa Geológico do Município de Campinas (Anexo 2.1) e Mapa de Pontos Geológicos e Geomorfológicos do Município de Campinas (Anexo 2.2).In: Instituto Geológico (SP). Subsídios do meio físico geológico ao planejamento do Município de Campinas. São Paulo. 03 volumes. (Relatório Técnico do Instituto Geológico).
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."geologia_foliacao_descricao"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo:Ponto Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:50.000; Data da publicação: 2009; Edição: ;
Palavras chave:Geologia, Descrição, Foliação
Microbacias PMRH 2016Esta camada foi elaborada pelos técnicos da Coordenadoria de Planejamento e Gestão Ambiental da SVDS, de acordo com a necessidade de atualização das Microbacias Hidrográficas de Campinas surgida com o Plano Municipal de Recursos Hídricos. Foi utilizada como base a camada de Microbacias utilizada anteriormente, do Plano Diretor de 1991. Com as curvas de nível de 1x1m e com a imagem do levantamento aerofotogramétrico de 2014, considerando o perímetro urbano e áreas de manancial, foi vetorizada manualmente esta nova divisão de Microbacias.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono, Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:1.000; Data: 2016; Edição: 2016;
Palavras chave:Plano de Recursos Hídricos - 2016
Microbacias Plano Diretor 1991Esta camada foi elaborada a partir de um documento impresso que delimitava as Microbacias Hidrográficas de Campinas. Este documento faz parte do Caderno de Subsídios do Plano Diretor de 1991. Tendo como base a hidrografia, foi vetorizada a partir de referências da figura impressa e das curvas de nível do IGC. Foi elaborada para servir de unidade de planejamento nos Planos Municipais do Verde e de Recursos Hídricos.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."microbacias_plano_diretor_91"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono, Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:1.000; Data: 1991; Edição: 2015;
Palavras chave:Microbacias, Plano Diretor, Recursos Hídricos
NascentesAs nascentes são adaptadas e modificadas do levantamento realizado em 2003 pelo Instituto Geográfico e Cartográfico (IGC), quando foi realizado um levantamento da altimetria, hidrografia e do viário na escala 1:10.000.A modificação ocorreu em 2014 pela Secretaria do Verde, Meio Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável (SVDS) da Prefeitura de Campinas em uma escala 1:5.000, utilizando para tal modificação Imagem Aérea EMPLASA 2010 (pixel de 1m), retirando as nascentes inexistentes na imagem e as ligando no curso d' água.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: ; Data da publicação: 2003 ; Edição: 2014 ;
Palavras chave:Nascentes
Nomenclatura das PraçasNome das Praças no Município de Campinas (Nomenclatura)
Responsabilidade:SEPLURB / DIDC / CSBD / Setor de nomenclatura.
Preparação:Camada criada para indicar a nomenclatura das praças. Contém inclusive a lei ou decreto que denomina o espaço.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "didc"."nomes_pracas" (uso interno)
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Nomenclatura, Praças, denomiação
Núcleos de ConectividadeCamada elaborada no prognóstico do Plano do Verde. Fonte: Plano do Verde - Prognóstico
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Camada é a união de determinadas microbacias hidrográficas representadas pela camada microbacias_plano _diretor_1991
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data: 2016; Edição: 2016;
Palavras chave:Plano do Verde, Núcleos de Conectividade
Núcleos urbanos (SEHAB) É uma camada oficial, que trata dos polígonos referentes aos núcleos urbanos do município, objetos de trabalho da Secretaria Municipal de Habitação - SEHAB.
Responsabilidade:SEHAB - Secretaria Municipal de Habitação, Coordenadoria Técnica
Preparação:Fornecida originalmente pela SEHAB em arquivo Shape e XLS em 28 de Junho de 2017 e importada ao banco de dados "gis_municipal". Atualmente é mantida pela Secretaria Municipal de Habitação - SEHAB.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "sehab"."nucleos_urbanos"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:1.000; Publicação: Atualização diária
Palavras chave:Habitação, núcleos urbanos, regularização fundiária
PGV 2015-2016 Exceções Faces QuadraCamada desenvolvida pela AAI/DRI para a planta genérica de valores de 2015-2016
Responsabilidade:SMF/DRI/AAI
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "financas"."pgv_2015_2016_excecoes_faces_quadra"
Especificação:Formato VetorialTipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
PGV 2015-2016 Faces QuadraCamada desenvolvida pela AAI/DRI para a planta genérica de valores de 2015-2016
Responsabilidade:SMF/DRI/AAI
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "financas"."pgv_2015_2016_faces_quadra"
Especificação:Formato VetorialTipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
PGV 2017-2018Camada desenvolvida pela AAI/DRI /SMF para a Planta Genérica de Valores de 2017-2018 com base nos valores de mercado vigentes em 2017 com fator oferta de 20%, aprovada pela Comissão Valores onde se mudou o paradigma de PGVs por face de quadra para polígonos. Aprovada pela Lei Municipal Nº 15.499 DE 10 DE OUTUBRO DE 2017
Responsabilidade:SMF/DRI/AAI
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "financas"."pgv_2017"
Especificação:Formato VetorialTipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Parques Lineares Plano Diretor 2006Camada elaborada no Plano Diretor de 2006 correspondente ao MAPA 15 – IMPLANTAÇÃO DE EIXOS VERDES. Fonte: Mapa
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Palavras chave:Plano Diretor 2006
Parques Lineares Plano do Verde A camada foi elaborada no Prognóstico do Plano do Verde (2016), esta não tem precisão para projetos, serve apenas como referência de intenção de implantação como apresentado no referido plano. Legenda: Variação de 1 a 5, sendo 1 maior grau de priorização para implantação e 5 menor. Fonte: Plano do Verde - Prognóstico
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Características de confecção da camada: Material de elaboração: 1. QGIS 2.12.0, 2. Déficit de Áreas Verdes - Diagnóstico; 3. Ortofoto 2014; 4. SAV - Planos Locais; 5. Lotes (público/privado); 6. Áreas de Preservação Permanentes (Degradada/Preservada); 7. Ocupações Irregulares (consolidadas e não consolidadas); Metodologia de elaboração: Para a elaboração do Cenário Alvo das Áreas Verdes com Função Social, por meio da proposição de Parques Lineares, foram utilizados os seguintes critérios: 1. Mapa do déficit de Áreas Verdes: considerando os diferentes graus; 2. Foram excluídas as Áreas de Preservação Permanente que possuem indicação de ocupações consolidadas ou consolidáveis pelo Plano Municipal de Habitação, e incluídas (quando cabível) as ocupações com indicação de remoção; 3. Vegetação natural de modo a incluir os fragmentos e conectá-los quando possível; 4. Priorização das áreas públicas ; 5. Procurou-se utilizar apenas os limites das Áreas de Preservação Permanente em áreas particulares. Legenda: Variação de 1 a 5, sendo 1 Alta grau de priorização para implantação
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono, Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data: 2016; Edição: 2016;
Palavras chave:Plano do Verde, Parques Lineares
Patrimônios <-> Fichas (geometria e dados)Cruzamento da tabela espacial "lotes" com a tabela de "patrimônio" do aplicativo cadastro de fichas do DIDC. *Não é uma tabela oficial, e não esta completa* . Apenas foi criada para auxiliar o cadastro dos dados dos patrimônios da PMC pela coordenadoria CSBD do DIDC. Contém a geometria e os atrtibutos alfanuméricos.
Responsabilidade:SEPLURB / DIDC / CSBD e CSGBCA
Preparação:É uma tabela virtual (View) do cruzamento das tabelas "tabelas didc.lotes" X "cadastro_fichas.cfta_ficha_prop" X "cadastro_fichas.cfta_ficha_prop"
Disponível em:Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "didc"."patrimonio_fichas"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:1.000; Publicação: Atualização diária
Palavras chave:patrimônio
PedologiaMapa cedido para uso da Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável por meio de contrato celebrado entre as partes. 19/ago/2014. Protocolo: 14/10/42.350 PG Ofício: C. CATT.CNPM n° 038/2014 - Licença de Uso do Mapa Pedológico Semidetalhado do Município de Campinas. DADOS BÁSICOS: data de publicação 2008, autor EMBRAPA, escala original 1:50.000, software para produção ArcView, Datum original SAD69, UTM 23s, Limite do Município IBGE - ajustado.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Informações de produção: Parte do presente mapa teve sua área levantada pelo método tradicional de levantamento pedológico, com forte apoio de campo, e parte compilada de mapas já existentes, com pequenas adaptações. As porções ao sul e a leste do município foram totalmente mapeadas, pois não havia mapas em escalas compatíveis com o presente trabalho. Na bacia do Ribeirão das Anhumas, o mapa foi compilado do trabalho de Coelho et al. (2006a). O restante do município foi compilado do trabalho de Oliveira et al. (1977; 1979). Na área mapeada como mancha urbana no trabalho de Oliveira et al. (1977), em que não havia informações de solos, foram realizadas checagens de campo e correlação dos solos com os mapas de geomorfologia (IG, 1993a) e geologia (IG, 1993b) do Município de Campinas, para definição das unidades de mapeamento de solos. Foram executadas interpretações de imagens das planícies fluviais, com objetivo de delimitar os solos hidromórficos, bem como incorporado, com adaptações, delineamento de solos orgânicos do mapa detalhado elaborado por Coelho et al. (2006b) na região noroeste do município. A compilação dos mapas originais buscou preservar as legendas desses mapas, o que gerou um significativo aumento do número de unidades de mapeamento. As legendas foram atualizadas segundo Embrapa (2006). O mapeamento das áreas não compiladas foi executado por meio de interpretação preliminar da cartografia disponível e trabalhos de campo. Nos trabalhos de campo foram percorridos transetos e realizados estudos em toposseqüências, onde perfis de solos foram descritos e coletados visando o encaminhamento das amostras para os laboratórios de solos da Embrapa Meio Ambiente. Foram efetuadas centenas de observações em campo com objetivo de delimitação das unidades de mapeamento. Os solos foram descritos e coletados segundo Santos et al. (2005) e classificados no Sistema Brasileiro de Classificação de Solos (EMBRAPA, 2006). As amostras de solo foram analisadas em laboratório para atributos químicos e físicos segundo a metodologia da Embrapa (EMBRAPA, 1997). O trabalho seguiu procedimentos normativos descritos em Embrapa (1995). A delimitação das unidades de mapeamento de solos baseou-se nos materiais descritos a seguir. MATERIAIS UTILIZADOS - Mapas planialtimétricos: (1) Base cartográfica na escala 1:50.000 do IBGE (Folha Campinas); (2) Mapas topográficos na escala 1:10.000 do Município de Campinas | Mapas do meio físico: (1) Levantamento semidetalhado dos solos do estado de São Paulo, Quadrícula de Campinas. Campinas, escala 1:100.000); (2) Levantamento pedológico semidetalhado dos solos do estado de São Paulo. Quadrícula de Campinas (Boletim técnico); (3) Mapa de solos da bacia do Ribeirão das Anhumas. (Escala 1:25.000); (4) Levantamento detalhado de solos da área dos bens naturais C e D, Mata da Santa Genebra, Campinas, SP, escala 1:5.000); (5) Solos da Fazenda Santa Elisa , escala 1:10.000. (Oliveira et al. (no prelo); (6) Mapa geológico do Município de Campinas. Escala 1:50.000; (7) Mapa geomorfológico do Município de Campinas. Escala 1:50.000. DADOS DE SATÉLITE E RADAR: (1) Imagem do satélite SPOT V, com 5m de resolução espacial de 22/09/2002; (2) Imagens de RADAR aerotrans portado, Bandas X e L, com 3 m de resolução espacial, adquiridas em outubro de 2005 via cooperação entre Embrapa Monitoramento por Satélite e CTA-IEAv.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono, Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;
Palavras chave:Pedologia
Perímetro UrbanoÉ uma camada oficial que delimita o Perímetro Urbano de Campinas, segundo a Lei 8.161/94 e seus desdobramentos.
Responsabilidade:Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Urbano;
Mantenedor: Coordenadoria Setorial de Planejamento Físico Territorial -CSPF.
Preparação:Originalmente desenvolvida em MapInfo (TAB), Córrego Alegre, fuso 23S. Posteriormente convertida e reprojetada, ajustado o perímetro conforme a artofoto de 2010 da
EMPLASA, do Projeto Mapeia SP, posteriormente foi refinada a geometria novamente utilizando a ortofoto adquirida pela municipalidade em 2014.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "deplan"."perimetro_urbano"
Disponível para download: perimetro_urbano.zip
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Perímetro Urbano
Pontos VerdesA Prefeitura Municipal, por meio do Departamento de Limpeza Urbana, operador do Sistema Integrado de Limpeza Urbana do Município, idealizou e viabilizou a implantação dos PONTOS VERDES. A ideia de ordenação ambiental se fortaleceu pela necessidade de minimizar os impactos negativos de lançamento de resíduos em locais públicos. Paralelamente, pretende conscientizar a população sobre a continuidade da responsabilidade sobre o resíduo gerado. O munícipe, a partir destes PONTOS VERDES, tem a oportunidade de praticar a cidadania, de forma a descartar os seus resíduos responsavelmente sendo que cada categoria tem uma característica diferente, abaixo descritas: Pontos Verdes: aptos a receber resíduos de poda e jardinagem e resíduos da construção civil (entulho, madeiras).
Responsabilidade:SMSP - Secretaria Municipal de Serviços Públicos - Departamento de Limpeza Urbana (DLU)
Preparação:Fornecido em formato Shape pela Secretaria dos serviços públicos, importado no banco de dados "GIS municipal" em 15 de agosto de 2017.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "smsp"."ponots_verdes" (uso interno)
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Ecopontos, resíduos, resíduos de poda e jardinagem
Prenac Adote Uma NascenteCamada criada para orientar áreas possíveis para implantação do Programa Prenac Adote Uma Nascente criado no Plano de Recursos Hídricos
Responsabilidade:SVDS/DVDS
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."prenac_adote_uma_nascente"
Especificação:Formato VetorialTipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Palavras chave:PRENAC; PMRH; Programas
Propriedades (Lotes/Glebas/Patrimônio) (Oficial)Propriedades territoriais - Lotes, Glebas e Patrimônios da Prefeitura
Responsabilidade:SEPLURB / DIDC / CSBD (informações alfanuméricas Fichas ) (alimentado via Cadastro de Fichas)
SEPLAN / DIDC / CSGBCA (informações espaciais Desenhos ) (alimentado via QGIS ou AutoCAD MAP)
Preparação:Pré-tratamento
- Parte gráfica - As plantas de quarteirão do cadastro foram escaneadas, vetorizadas em CAD, padronizadas e georeferenciadas para posterior exportação no banco de dados espacial gis_municipal em Postgresql.
Situação (15/01/2018)
- Parte gráfica 53,7% da cidade já foi completamente desenhada a partir das peças técnicas.
- Alfanumérica - As fichas de informação foram escaneadas, digitadas no sistema: Cadastro de Fichas pela IMA. Este sistema funciona no mesmo framework de aplicações do sistema SIM da secretaria de finanças
- Alfanumérica - 95% já esta no sistema (CF), contudo apenas 19,5% já está conferida.
* Os protocolos atuais já estão mantendo os dados atualizados e rastreados para esta camada de informações.
Situação atual da higienização: . Ver gráficos . ** É considerada a camada oficial
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "didc"."lotes" Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, view: "didc"."lotes_fichas" (lote e ficha)
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:1.000; Publicação: Atualização diária;
Palavras chave:lotes, glebas, patrimonio
Propriedades (Lotes/Glebas/Patrimônio) (não revisadas) Propriedades territoriais - Lotes, Glebas e Patrimônios da Prefeitura, (não revisadas) * NÃO É UMA CAMADA OFICIAL, deve ser usada apenas na tentativa de auxiliar a busca das informações corretas.
Responsabilidade:SEPLURB / DIDC / CSBD e CSGBCA
Preparação:Criado a partir de várias origens (Arquivos AutoCAD e Mapinfo) no inicio de 2013. Conhecida como base da SANASA, apesar de ter também contribuições da PMC e EMDEC.

Pré-tratamento
Incialmente foi importado para o banco gis_municipal. As coordenadas foram transformadas para o Sistema de coordenadas Sirgas 2000. A feições foram trabalhadas para coincidir com a ortofoto da emplasa de 2010. Foram removidos atributos que não são utilizados pelo DIDC. Em 16/09/2016, onde possível, foram importados do produto final de geocodifição do cadastro territorial (lotes) as feições elaboradas no contrato de Aerofotogrametrica executada pelo consorcio Aerocamp a partir do voo de julho de 2014.

Situação (15/01/2018)
Completa os lugares da cidade onde o mapeamento que esta sendo revisado não aconteceu (46,3%). É apagada na medida que a camada oficial é elaborada. Pode conter informações erradas. Esta camada deverá ser extinta.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "didc"."lotes_sem_verificacao" Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, view: "didc"."lotes_sem_verificacao_fichas" (lote e ficha)
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:1.000; Publicação: Atualização diária
Palavras chave:lotes, glebas, patrimônio
Propriedades RuraisAdaptação feita nos dados do Cadastratro Ambietnal Rural - CAR
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: Sem escala; Data da publicação: 2017; Data de modificação: 03/2017 Edição: 2015 ;
Palavras chave:CAR, Meio Ambiente, PSA
Restrições AeroportuáriasÉ uma camada oficial, que trata dos polígonos referentes às restrições aeroportuárias no município de Campinas.
Responsabilidade:SRPV(Aprovação), Prefeitura Municipal de Campinas (Informar os critérios)
Preparação:Conforme estabelecido pela nova Portaria nº 957, de 9 de Julho de 2.015, a missão da Prefeitura Municipal de Campinas é a de informar os critérios de solicitação quando houver a necessidade. A devida aprovação ou não desta nova construção é da competência do SRPV (Serviço Regional de Proteção ao Voo).
Durante um curso ministrado pelo SRPV em Novembro de 2.015, foi entregue à Prefeitura Municipal de Campinas um arquivo no formato DWG contendo os polígonos de restrição ao voo e a apostila contendo a legislação específica.
Este arquivo foi convertido em shape e atributado com o texto das restrições da apostila.
Posteriormente, em uma reunião em São Paulo na sede do SRPV, em Maio de 2.016, foi nos encaminhado outro arquivo com alterações e atualizações no arquivo anterior.
Estas atualizações foram transferidas para o arquivo shape e inseridas no banco de dados.
Feitas todas as atualizações, consultamos o site do DECEA (http://servicos.decea.gov.br/aga/?i=planos) para inserir todos os helipontos ali constantes.
Protocolos recebidos: 2016-10-43397 - Trata da aprovação do Plano Básico de Zonas de Proteção dos Helipontos:
Casa de Campo - 84-ICA, de 29 de Março de 2016;
Coppersteel Bimetálicos - 385/DGCEA, de 5 de Setembro de 2015;
Elektro - 121/ica, de 19 de Abril de 2016.';
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: restricoes-aeroportuarias.campinas.sp.gov.br/
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "deplan"."aeroportuarias_srpv"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:restrições aeroportuárias, SRPV
Setores CensitáriosÉ uma camada oficial, que delimita os setores censitários do IBGE.
Responsabilidade:IBGE (Setores Censitários e Banco de Dados), CSPS/ DEPLAN (totalização dos dados por setor)
Preparação:Arquivo shape baixado do site do IBGE, juntamente com o banco de dados, tabelas referentes a Pessoas, Domicílio e Renda. Para o arquivo disponibilizado no Geoportal, foi cruzada a geometria dos Setores Censitários
com a tabela Pessoas, o que resultou em uma divisão do município em Setores Censitários com a densidade populacional (pessoas por hectare) e a população de cada setor de acordo com a raça, conforme o Censo de 2010.
Cabe aqui ressaltar que a terminologia "raças" e sua transcrição na totalização apresentada no Geoportal é a oficial do IBGE.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoportal-desenv.campinas.sp.gov.br
Página da Secretaria de Planejamento: campinas.sp.gov.br/governo/seplama/publicacoes/censo-2010.php
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "censo"."setores_ibge", "censo"."pessoas_03"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Setores Censitários, Censo 2010
Setores de Coleta de LixoRegiões / Setores de coleta de resíduo com a respectiva de frequência.
Responsabilidade:SMSP - Secretaria Municipal de Serviços Públicos - Departamento de Limpeza Urbana (DLU)
Preparação:Fornecido em formato Shape pela Secretaria dos serviços públicos, importado no banco de dados "GIS municipal" em 15 de julho de 2017. Enviado novo SHAPE em 29/08/2017 Atualizando "buracos".
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "smsp"."setores_coleta" (uso interno)
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Poligono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Regiões de coleta de lixo, frequência, resíduos
Sistema de Áreas Verdes - SAV (Planos Locais)A camada teve origem de outras 5 (cinco) camadas que antes estavam divididas por macrozonas que eram: SAV_MZ2, SAV_MZ5, SAV_MZ6, SAV_MZ8, SAV_MZ9.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Essas camadas foram feitas por um servidores da SVDS , onde a base para confecção foram layers de logradouros, rodovias, lotes que possuem diferenças consideráveis com as atuais devido ao processo de validação que a SEPLAM vem fazendo nos últimos anos. OBSERVAÇÕES PARA USO DAS CAMADAS: (1) Os arquivos estavam no sistema de coordenadas Córrego Alegre e foram reprojetados através da ferramenta reproject layers do Qgis 2.4 para SIRGAS2000; (2) Os arquivos não estavam coerentes com os mapas publicados em lei; (3) Diversos polígonos faltando do publicado na lei; (4) Diversos polígonos a mais do que o publicado na lei; (5) Erros de sobreposição de pontos em diversos polígonos; (6)Base de corte para o limite dos polígonos diferentes dos atuais e oficiais do município. Exemplo:Limite de Macrozonas e eixos e logradouros; (7) A base hídrica utilizada para confecção dos SAVs foi a proveniente do IGC de 2002, assim muitas APP geradas não correspondem com a atual base hídrica do município; (8) As áreas publicadas em lei dos SAVs não estão precisas com os atuais shapesfile validados, pois alguns polígonos foram recriados com base no mapa em anexo PDF publicado em lei; (9) Foi possível identificar que para a criação de alguns SAVs foi considerado a área dos lagos internos, porém em alguns SAVs não, assim existe uma diferença considerável na área de alguns SAVs.
Suscetibilidade à Movimentos Gravitacionais Massa (CPRM/IPT)Documento cartográfico complementar ao Objeto 0602 do Programa de Gestão de Riscos e Resposta a Desastres Naturais, incluído no Plano Plurianual 2012-2015 do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.
Referências:
CARTAS DE SUSCETIBILIDADE A MOVIMENTOS GRAVITACIONAIS DE MASSA E INUNDAÇÕES, 1:25.000 - NOTA TÉCNICA EXPLICATIVA Cartas de suscetibilidade a movimentos gravitacionais de massa e inundações : 1:25.000 livro eletrônico): nota técnica explicativa / coordenação Omar Yazbek Bitar. -- São Paulo : IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo ; Brasília, DF : CPRM – Serviço Geológico do Brasil, 2014. – (Publicação IPT ; 2016)5 Mb ; PDF. Software utilizado: ArcGIS 9.2;
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Sua elaboração considera, entre outras referências, as diretrizes contidas no manual para zoneamento de suscetibilidade, perigo e risco a deslizamento, publicado em 2008 pelo Comitê Técnico de Deslizamentos e Taludes Construídos das associações técnico-científicas internacionais de geologia de engenharia e engenharia geotécnica (ISSMGE, IAEG e ISRM-JTC-1), traduzido em 2013 pela ABGE e pela ABMS. A utilização da carta pressupõe consulta prévia ao documento técnico que a acompanha, denominado Carta de Suscetibilidade a Movimentos Gravitacionais de Massa e Inundações, 1:25.000 - Nota Técnica Explicativa (atualizado em 22/04/2015). Os levantamentos abrangeram 286 municípios brasileiros até novembro de 2015 e foram realizados em parceria com o Instituto de Pesquisas Tecnológicas - IPT, o Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - Censipam, a Universidade Federal do Paraná - UFPR e o Instituto de Geografia e Estatística - IBGE.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:25.000; Publicação: 2016;
Suscetibilidade à Inundações (CPRM/IPT)Documento cartográfico complementar ao Objeto 0602 do Programa de Gestão de Riscos e Resposta a Desastres Naturais, incluído no Plano Plurianual 2012-2015 do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.
Referências:
CARTAS DE SUSCETIBILIDADE A MOVIMENTOS GRAVITACIONAIS DE MASSA E INUNDAÇÕES, 1:25.000 - NOTA TÉCNICA EXPLICATIVA Cartas de suscetibilidade a movimentos gravitacionais de massa e inundações : 1:25.000 livro eletrônico): nota técnica explicativa / coordenação Omar Yazbek Bitar. -- São Paulo : IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo ; Brasília, DF : CPRM – Serviço Geológico do Brasil, 2014. – (Publicação IPT ; 2016)5 Mb ; PDF. Software utilizado: ArcGIS 9.2;
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Sua elaboração considera, entre outras referências, as diretrizes contidas no manual para zoneamento de suscetibilidade, perigo e risco a deslizamento, publicado em 2008 pelo Comitê Técnico de Deslizamentos e Taludes Construídos das associações técnico-científicas internacionais de geologia de engenharia e engenharia geotécnica (ISSMGE, IAEG e ISRM-JTC-1), traduzido em 2013 pela ABGE e pela ABMS. A utilização da carta pressupõe consulta prévia ao documento técnico que a acompanha, denominado Carta de Suscetibilidade a Movimentos Gravitacionais de Massa e Inundações, 1:25.000 - Nota Técnica Explicativa (atualizado em 22/04/2015). Os levantamentos abrangeram 286 municípios brasileiros até novembro de 2015 e foram realizados em parceria com o Instituto de Pesquisas Tecnológicas - IPT, o Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - Censipam, a Universidade Federal do Paraná - UFPR e o Instituto de Geografia e Estatística - IBGE.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:25.000; Publicação: 2016;
UTBsÉ uma camada oficial, que divide o município de Campinas em Unidades Territoriais Básicas desde 1.996. Foi alterada no Plano Diretor de 2006 e nos Planos Locais das Macrozonas 5 e 9.
Responsabilidade:SEPLURB / DEPLAN
Preparação:Originalmente criada em 1.996 em MapInfo, convertida para o formato shape.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "deplan"."macrozona"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:UTB
Unidades de Conservação de Campinas1 - PNM Jatobás, 2 - PNM Campo Grande, 3 - PNM da Mata, 4 - ARIE Mata Santa Genebra. Área disponível no site, 5 - Floresta Estadual Serra d' Água, 6 - RVS Quilombo, 7 - APA Campo Grande, Campinas e Piracicaba -Juqueri Mirim.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:1 - PNM Jatobás: Área a integrar o Parque Natural Municipal dos Jatobás; Criado pelo Decreto nº 17.355/2011; Polígono vetorizado pelo DIDC com base nas PRC e nas ortofotos EMPLASA, 2010 ( 1,0 X 1,0 ); Protocolo: 11/10/23275; Interessado: SECRETARIA MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE; Certidão gráfica A1-322. 2 - PNM Campo Grande: Área a integrar o Parque Natual Municipal do Campo Grande; Criado pelo Decreto 17356-11; Polígono vetorizado pelo DIDC com base nas PRC e nas ortofotos EMPLASA, 2010 ( 1,0 X 1,0 ); Protocolo: 11/10/23277; Interessado: SECRETARIA MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE; Certidão gráfica A1-308. 3 - PNM da Mata: Área vetorizada de maneira aproximada. Aguardando memorial descritivo definitivo; Criação: Lei Complementar Municipal 76-2014. 4 - ARIE Mata Santa Genebra. Área disponível no site: LINK; Downloads em kml no dia 10/01/2012; Alterações feitas: Conversão para shapefile e geração de tabela de atributos de acordo com a legislação vigente; Conversão para Sirgas2000 UTM 23s com QGIS 2.4; Ajuste de posição visual com base nas ortofotos EMPLASA, 2010 ( 1,0 X 1,0 ). 5 - Floresta Estadual Serra d' Água: Decreto estadual 56617-2010; Área vetorizada com o sofware Qgis 2.6.1 Brighton com base no formado do polígono disponível em: LINK; Área foi refeita, pois a que se encontra na base oficial está totalmente deslocada. 6 - RVS Quilombo Área vetorizada de maneira aproximada. Aguardando memorial descritivo definitivo; Criação: Lei Complementar Municipal 76-2014. 7 - APA Campo Grande, Campinas e Piracicaba -Juqueri Mirim. Área desenhada de acordo com legislação de criação; APA Piracicaba Juqueri Mirim : Decreto Estadual 26882-87; APA Campo Grande: Decreto Municipal 17357-2011; APA Campinas: Lei Municipal 10850-2001.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data da publicação: ; Edição: 2015 ;
Uso do Solo - IGA camada é um recorte do mapeamento (UGRHI) 5 - Piracicaba/Capivari/Jundiaí (PCJ). Esse mapeamento foi feito pela empresa TECNOGEO INFORMÁTICA S/S LTDA – EPP e a validação do mapeamento foi realizada por técnicos da Coordenadoria de Planejamento Ambiental (CPLA) em parceria com técnicos do Instituto Geológico (IG).
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Possui exatidão global de 87.40 % e o coefiente Kappa médio de 0,85 %. O mapeamento do uso e ocupação da terra foi desenvolvido baseando-se, principalmente, em interpretação visual de recortes da imagem SPOT, ortorretificados, mosaicados e separados de acordo com o limite das cartas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) 1:25.000, com 2,5m de resolução espacial com bandas fusionadas, bem como as cenas no modo multiespectral com resolução espacial de 10m. As datas destas cenas variam entre os anos de 2007 e 2009. Além das imagens SPOT, foram utilizados como insumos para a elaboração do mapeamento: (1) Trabalho de campo; (2) Mapeamento do Projeto CANASAT, Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE); (3) Mapeamento do Projeto CAFESAT, (INPE); (4) Informações sobre cultivo do IBGE. O mapeamento foi feito na Projeção Universal Transversa de Mercator (UTM), Datum SIRGAS2000, Fuso 23. O sistema de classificação desenvolvido pela CPLA e IG constitui um sistema aberto, multinível, que permite a inclusão de níveis cada vez mais detalhados de informação sobre uso e cobertura das terras, conforme a necessidade de estudo. Este sistema, para atender ao detalhamento compatível com a escala de mapeamento 1: 25.000, foi estruturado em 3 níveis hierárquicos de abstração que são: (NÍVEL I) comporta o maior grau de generalização da informação, sendo destacados na tabela de atributos os tipos de cobertura da terra, os quais são subdivididos em 5 grandes grupos: 1) Superfícies Artificiais; 2) Áreas Agrosilvopastoris; 3) Espaços Abertos com pouca ou nenhuma cobertura vegetal; 4) Superfícies Naturais; 5) Corpos d’água. O segundo nível de abstração (NÍVEL II) constitui uma subdivisão, incluindo um detalhamento quanto à função ou atividade a que se destina cada classe de cobertura da terra identificada no Nível I. Sendo assim, cada classe de uso definida no nível II integra uma noção de funcionalidade dos objetos que a compõe. Neste nível II foram discriminadas e delimitadas as seguintes formas de uso da terra: 1) Área Edificada; 2) Loteamento; 3) Espaço Verde Urbano; 4) Grande Equipamento; 5) Extração mineral 6) Pastagem; 7) Cultura Perene; 8) Cultura Semiperene; 9) Cultura Temporária; 10) Reflorestamento; 11) Solo Exposto; 12) Afloramento Rochoso; 13) Mata; 14) Campo Natural; 15) Corpos d’água. O terceiro nível (NÍVEL III) inclui uma subdivisão das classes de uso da terra, apontadas no nível II, em classes de atributos. Assim, após a delimitação e classificação do uso e cobertura da terra, foi realizada a setorização e o detalhamento das classes de uso “1.1. Área Edificada” e “1.2. Loteamento” quanto ao padrão da ocupação. Para tanto, foram identificadas e delimitadas unidades homogêneas com base na interpretação visual de elementos texturais e tonais das imagens orbitais. Como critérios de setorização e classificação foram considerados 4 atributos básicos da ocupação, sendo eles: i) padrão das edificações; ii) densidade de ocupação; iii) estágio de ocupação; e iv) ordenamento urbano. Esta subdivisão da área edificada é baseada na metodologia desenvolvida pelo Instituto Geológico (ROSSINI-PENTEADO et al., 2005, 2007a, 2007b). Disponível em: LINK .
Vegetação NaturalCamada que indentifica os fragmentos de vegetação natural
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Os polígonos que formam essa camada foram originados do Convênio 4202, entre a Prefeitura Municipal de Campinas (PMC) e o Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais (Nepam), da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) através da Fundação para o Desenvolvimento da UNICAMP (FUNCAMP), esse mapeamento foi realizado através da fotointerpretação, em ambiente SIG. Utilizando os programas de geoprocessamento AutoCad e ArcGIS os dados foram sistematizados e editados em uma base cartográfica dinâmica. Foram utilizadas Imagens da EMPLASA, o mosaico iconográfico digital de 2008 e a Base Cartográfica IGC (2003) modificada pela PMC. A partir desse mosaico foram feitas a identificação, a quantificação e a classificação das áreas verdes. O reconhecimento de campo foi feito entre 2009 e 2010 a partir de onde os mapas começaram a ser trabalhados. Em 2011 áreas foram revisitadas e os mapas concluídos em 2012. Neste trabalho além da comparação com o mapeamento de realizado por Santin (1999) (que foi base para o Plano Diretor de Campinas, 2006) foram incluídas áreas que não se classificavam como fragmento de vegetação nativa, entre eles: áreas de bosques mistos, capoeiras, capões de vegetação exótica e nativa, agrupamentos de indivíduos arbóreos, reflorestamentos e áreas de várzea sendo este trabalho inédito em nível municipal. Na coluna fisionomia é possivel verificar os atributos: FES-Floresta Estacional Semidecidual, Floresta Mista, Campo de Várzea, Cerrado, Mata Ciliar, Floresta Paludosa, Recomposição, Bosque e FES/Cerrado. Para consultar o conceito de cada fisionomia consultar o LINK. As colunas uc, bosq_parq e bens_tombados e outros possuem os atributos s para sim e n para não, a validação dessas colunas estão sendo finalizadas, porém é necessário a validação das áreas desses polígonos que dependem das demais Secretarias.
Especificação:Formato Vetorial, Geometria: Polígono; Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data: 2015; Edição: 2015.
Palavras chave:Vegetação Natural; Fisionomia
Vias VerdesCamada elaborada no Plano Diretor de 2006 correspondente ao MAPA 15 – IMPLANTAÇÃO DE EIXOS VERDES. Fonte:LINK
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Zonas de Amortecimento das Unidades de Conservação de Campinas1 - PNM Jatobás, 2 - PNM Campo Grande, 3 - PNM da Mata, 4 - ARIE Mata Santa Genebra. Área disponível no site, 5 - Floresta Estadual Serra d' Água, 6 - RVS Quilombo, 7 - APA Campo Grande, Campinas e Piracicaba -Juqueri Mirim.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:1 - PNM Jatobás - Zona de Amortecimento: Zona de amortecimento de 30 metros; Decreto 17355-11. 2 - PNM Campo Grande - Zona de Amortecimento:: Zona de amortecimento de 30 metros; Decreto 17356-11. 3 - PNM da Mata - Zona de Amortecimento:: Zona de amortecimento 30 metros; Lei Complementar 76-2014. 4 - ARIE Mata Santa Genebra - Zona de Amortecimento: Zona de Amortecimento n°1-2012; Dec. fed. n° 91.885-85, 5 - Floresta Estadual Serra d' Água - Zona de Amortecimento:: RESOLUÇÃO CONAMA N° 428, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2010 2 mil metros 3 mil metros 6 - RVS Quilombo - Zona de Amortecimento: Zona de amortecimento de 30 metros | Polígono sobreposto; Lei Complementar 76-2014.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data da publicação: ; Edição: 2015 ;
Zonas de Amortecimento de Valinhos1 - Parque Estadual da ARA e ARA 2 e 2 - Estação Ecológica de Valinhos.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:1 - Parque Estadual da ARA e ARA 2: RESOLUÇÃO CONAMA N° 428, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2010 2 mil metros 3 mil metros 2 - Estação Ecológica de Valinhos: RESOLUÇÃO CONAMA N° 428, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2010 2 mil metros 3 mil metros
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data da publicação: ; Edição: 2015 ;
ZoneamentoÉ uma camada oficial que contém os polígonos referentes ao zoneamento vigente, criado em 2006.
Responsabilidade:Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Urbano;
Mantenedor: Coordenadoria Setorial de Planejamento Físico Territorial -CSPF.
Preparação:Era consultada apenas em papel, nas PRCs 1:5.000 localizadas no DEPLAN e no DIDC. Em 2006 foi digitalizada e atributada no formato TAB (MapInfo), Córrego Alegre, fuso 23S.
Em 2013 foi convertida para Shape e reprojetada (SIRGAS 2000), após corrigida a localização geográfica com auxílio da ortofoto da EMPLASA 2010, do Projeto Mapeia SP.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "deplan"."zoneamento"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:Zoneamento; Uso do Solo
Área de Preservação PermanenteCamada delimita a partir dos corpos hídricos superficiais, essa foi delimitada de acordo com a legislação vigente, tem a função apenas de orientar possíveis áreas de incidência, NÃO pode ser usada para fins de levantamento topográficos.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Material de elaboração:
1. A base hidrográfica utilizada foram os vetores fornecidos pelo IGC, 2003 (adaptado e modificado pela SVDS, 2014); 2. Esses vetores estavam divididos em três camadas, sendo de pontos (nascentes), linhas (cursos d'' água) e polígonos ( rios principais e lagos); 3. Cabe destacar que existe um deslocamento de alguns lagos, nascentes, rios e cursos d'' água que não foram corrigidos; 4. Nenhum dado foi verificado em campo. 5. Software Qgis 2.6;
Metodologia de elaboração:
1. As APP da APA Campinas foram geradas com base na Lei Municipal 10.850/2001 no art. 16 incisos I e II, e na Resolução SVDS N° 03/2015: I. faixa horizontal nas margens de qualquer curso d''água, medida a partir de seu nível mais alto, cuja largura mínima será: a) de 50 m (cinquenta metros) para os Rios Atibaia, Jaguari, Capivari e o trecho a jusante da Rod. D. Pedro I (SP - 065) do Ribeirão Anhumas; b) de 30 m (trinta metros) para os demais cursos d''água; c) de 50 m (cinquenta metros) para lagoas e açudes naturais ou artificiais; d) de 100 m (cem metros) para a represa do Jaguari. II. áreas situadas em um raio de 50 m (cinquenta metros) ao redor de nascentes ou olhos d''água; 2. Para os demais lagos do território de Campinas foi utilizada a seguinte metodologia: a) Cruzamento da linha (cursos d'' água) com os polígonos (lagos); b) Buffer de 30 metros somente para os lagos que interceptaram os cursos d'' água; c) Os demais lagos que não interceptaram os cursos d'' água não foram usados no cálculo de APP. 3. Para os demais cursos d'' água foram gerados buffer de APP de 30 metros; 4. APP Preservada vs APP Degradada. a) Para gerar a divisão da APP preservada e degradada foi utilizado a camada vegetacao_natural disponível na base de dados da SVDS; b) No cruzamento das camadas app_campinas e vegetacao_natural foi considerada a intersecção entre as duas como preservada e onde não ocorreu a intersecção de degradada.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Polígono. Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data: 2015; Edição: 2015;
Palavras chave:APP; Área de Preservação Permanente, Código Florestal
Áreas ContaminadasConforme informações da Relação de Áreas Contaminadas, por município, disponibilizadas no sítio eletrônico da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo – CETESB (http://areascontaminadas.cetesb.sp.gov.br/relacao-de-areas-contaminadas/). Essa relação é atualizada anualmente por esse órgão e as informações são apresentadas no formato de fichas contendo: nome da empresa, endereço, tipo de atividade, coordenadas geográficas, classificação da área contaminada, etapas do gerenciamento, fonte de contaminação, meios impactados, medidas emergenciais, medidas de controle institucional, medidas de remediação e medidas de controle de engenharia.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: zoneamento.campinas.sp.gov.br
Aplicativo WEB GIS: informacao-didc.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."tabela_areas_contaminadas_2015"
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8 Indicador geográfico (Autoridade IBGE) Geocódigo: 3509502; Extensão: xMin,yMin 269371.22, 7447978.50 :xMax, yMax 314081.12, 7485336.00
Palavras chave:CETESB; Áreas Contaminadas
Áreas Contaminadas ExtrasConforme informações de Áreas Contaminadas, enviadas a Prefeitura Municipal de Campinas através de protocolos pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo – CETESB (http://areascontaminadas.cetesb.sp.gov.br/relacao-de-areas-contaminadas/). Nesses protocolos constam: nome da empresa, endereço, tipo de atividade, classificação da área contaminada, etapas do gerenciamento e fonte de contaminação.
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo: Ponto, Liguagem: pt; Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: Data: 2015; Edição: 2016;
Áreas Estratégicas - PMRHEssa camada foi feita cruzando os dados obtidos no Diagnóstico do Plano Municipal de Recursos Hídricos. Essas áreas têm como objetivo principal destacar de todo o território de Campinas, aquelas microbacias estratégicas que geridas adequadamente contribuirão para a gestão integrada dos recursos hídricos. Portanto, as Áreas Estratégicas foram agrupadas, conforme os seguintes critérios:
- Produção de Água;
- Recuperação das Cabeceiras do Ribeirão Quilombo;
- Proteção de Mananciais de Abastecimento de Indaiatuba.
Mais informações podem ser obtidas no Volume III do PMRH pg. 21
Responsabilidade:SVDS/DVDS
Preparação:Feita através do cruzamento de dados espaciais levantados no PMRH
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."areas_estrategicas_pmrh"
Especificação:Formato VetorialTipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Palavras chave:Plano Municipal de Recursos Hídricos; PMRH; Áreas Estratégicas
Áreas VerdesConceito de Áreas Verdes: aquela que possui funções ecológicas e sociais, cuja área permeável ocupe, no mínimo, 70% de sua área total, possuindo vegetação em qualquer porte (herbácea, arbustiva e/ou arbórea), ocorrendo em áreas públicas ou privadas, rurais ou urbanas. Fonte:Diagnóstico do Plano Municipal do Verde
Responsabilidade:Secretaria do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Mantenedor: Coordenadoria de Tecnologia de Informações Ambientais - CTeIA; Tel: (19) 2116-8485.
Preparação:Mapeamento das Áreas Verdes: Foram mapeadas até o momento para esta camada, áreas com vegetação arbórea, arbustiva e/ou herbácea, com área mínima permeável de 70% e com área mínima de 200m².
Foram incluídas nesse mapeamento: fragmentos de vegetação natural, parques e bosques públicos e unidades de conservação (exceto Áreas de Proteção Ambiental).
Observação: Apesar de atenderem ao conceito de Áreas Verdes, NÃO foram mapeados até o momento PRAÇAS, ÁREAS VERDES DE LOTEAMENTO, CAMPOS DE FUTEBOL, CEMITÉRIOS, JARDINS, etc.
PORTANTO, AO CONSULTAR UMA ÁREA, VERIFICAR SEMPRE SE ELA ATENDE AO CONCEITO, MESMO QUE NÃO ESTEJA MAPEADA PARA ENQUADRÁ-LA COMO ÁREA VERDE.
Material de elaboração: 1. QGIS 2.12.0, 2. Camada bosques_parques, uc_campinas, vegetacao_natural Metodologia de elaboração: 1. Usou a ferramenta "diferença" entre as camadas vegetacao_natural e bosques_parques. 2. Usou a ferramenta "diferença" entre as camadas vegetacao_natural e uc_campinas. 3. Não se considerou as APA da camada UC; 4. Usou a ferramenta copiar nas geometrias que bosques_parques_diferenca e uc_campinas_diferenca e colou essas gemometrias na camnada vegetacao_natural. Material de elaboração: 1. QGIS 2.12.0, 2. Camada bosques_parques, uc_campinas, vegetacao_natural Metodologia de elaboração: 1. Usou a ferramenta "diferença" entre as camadas vegetacao_natural e bosques_parques. 2. Usou a ferramenta "diferença" entre as camadas vegetacao_natural e uc_campinas. 3. Não se considerou as APA da camada UC; 4. Usou a ferramenta copiar nas geometrias que bosques_parques_diferenca e uc_campinas_diferenca e colou essas gemometrias na camada vegetacao_natural.
Especificação:Formato Vetorial, Tipo:Polígono Liguagem: pt;Character set: UTF-8; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S; Escala equivalente: 1:10.000; Data: 2015; Edição: 2016;
Palavras chave:Áreas Verdes
Árvores Imunes ao CorteCamada elaborada para espacializar as árvores imunes ao corte previstas em legislação específica.
Responsabilidade:SVDS/DVDS
Preparação:Camada elaborada através de software de geoprocessamento com ajuda de imagens de satélite
Disponível em:Aplicativo WEB GIS: geoambiental.campinas.sp.gov.br
Armazenamento: postgresql, no servidor fouquet, gis_municipal, tabela: "verde"."arvores_imune_corte"
Especificação:Formato VetorialTipo: Polígono; Sistema de Referência de Coordenadas: SIRGAS 2000 UTM 23 S;Liguagem: pt;Character set: UTF-8
Palavras chave:Árvores; Imunes; Corte
Mantido por: